JÁ ESTAMOS EM 2014, E AGORA?

http://pt.dreamstime.com/imagens-de-stock-royalty-free-ilustraes-d-do-ano-novo-feliz-image29573769Sim, já estamos no segundo dia do Ano Novo e agora eu preciso mudar, buscar atingir aquelas metas todas que estabeleci atingir! E agora como faço? Muita coisa para um simples mortal! Por isso que para facilitar agora reduzi as metas, a frustração será menor ao final do ano.

Bom, mas isso é muito normal, todo período de mudança de ano é sempre assim, tem que usar tal cor de calcinha, de cueca, comer tal coisa e toda a sorte de simpatias, superstições, mandingas e afins para obtermos bons fluídos no ano vindouro. Qualquer mudança significativa de calendário propicia este tipo de atitude reflexiva, avaliadora e também de esperança, renovação de votos e estabelecimento de metas, decisões, novos rumos, etc. Normal isso, faz parte da nossa condição de humanos racionais e inteligentes o processo reflexivo de avaliação do que passou e projeção de esperanças. Principalmente a vontade de mudança, renovação, renascimento. E para isso uma mudança no “tempo” ajuda a estabelecer um início, seja uma segunda feira, data de aniversário, início de ano letivo, semestre etc. Está aí a Páscoa há milênios, como tempo de Renovação, para confirmar esta realidade. Sorte que temos bastantes datas, dias de semana, horas significativas para iniciar ou reiniciar vontades de mudanças e  de buscar metas de crescimento e satisfação. Ainda bem que na maioria somos esperançosos e não desistimos de estabelecer objetivos.

Mas o grande obstáculo está dentro de nós. Infelizmente, segundo Howard Gardner no livro Changing minds, “ POUCAS METAS SÃO TÃO DIFÍCEIS DE SER ALCANÇADAS QUANTO MUDAR SIGNIFICATIVAMENTE UM SER HUMANO ADULTO”. Mas temos saída. É possível a mudança e atingir metas, mesmo sendo difícil a mudança interna. Algumas sugestões podem vir da Administração e que as empresas usam bastante no Planejamento Estratégico. Nada de roupa especial, cores especificas, comidinhas, etc. com todo o respeito a quem acredita nisso. Se esse tipo de apoio e crença leva ao resultado e ao movimento em direção às metas, parabéns, o importante é a ação.

As sugestões que podemos utilizar são, primeiro e acima de tudo, acreditar e desejar a meta, o objetivo a atingir, de verdade, de coração com intensidade e manter o foco nessa meta. Definir claramente a meta e para isso a administração sugere o acrônimo SMART para estabelecer metas válidas e significa que as metas têm que ser eSpecíficas, claramente definidas nos detalhes. Mensuráveis, para que possamos medir o nosso avanço. Alcançáveis para que sejam possíveis de atingir. Realizadoras, para nos mantermos motivados a atingi-las e Temporizadas,  com prazo definido de alcance.

Para além disso, algumas outras coisas irão ajudar muito. Escrever as metas, estabelecer pontos intermediários de controle se estamos indo no caminho certo, começar com pequenas metas desafiadoras mas alcançáveis para a autoestima e a motivação irem crescendo e ir passo a passo. Aconselho a ver o vídeo do Matt Cutts, engenheiro do Google, que nos aconselha “Tente algo novo por 30 dias”. Se deu certo para ele, bem possível que dê para qualquer um de nós. Vai que dá certo? Como diz um amigo meu.

É isso aí, Feliz 2014 cheio de metas alcançadas! Uma a cada 30 dias, pelo menos!

Acesse nosso site AQUI.

Anúncios
Esse post foi publicado em Empreendedorismo e marcado , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s